Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Urso Tobias

Tobias, or not Tobias, that is the question. Divagações de um urso.

Urso Tobias

Tobias, or not Tobias, that is the question. Divagações de um urso.

Engraçado

O júri do Ídolos farta-se de estrebuchar por os concorrentes não cantarem músicas em português, mas na primeira oportunidade que têm de lhes escolherem as músicas optam por cinco músicas em inglês e apenas uma em português.

O Ídolos só dá isto?

No seguimento do post sobre a verborreia da Roberta Medina e após mais um programa Ídolos surgiu-me um novo pensamento sobre a qualidade dos concorrentes que passaram esta eliminatória.
Partindo do princípio que os concorrentes que a produção do programa tem mostrado a passar são os melhores, posso concluir que o talento vocal de Portugal é bastante mediano. A maioria dos concorrentes parecem uns campistas que foram a um festival de Verão. Vão para lá com a sua guitarra e cantam, uns mais afinados que outros, naquele tom característico certinho de quem está a cantar com os amigos.
Com isto só me ocorrem duas ideias. Ou as grandes vozes não se estão para meter num programa destes ou o Ídolos resume-se a azeiteiros, cromos e campistas (podendo alguns aglomerar mais do que uma destas características).

Roberta Medina e a sua verborreia

O Ídolos, por si só, já é uma merda quando comparado com o X Factor britânico ou americano (basta irem ao youtube e pesquisarem por X Factor para comparar). Aqui dá-se mais tempo de antena aos ditos cromos do que aos concorrentes com alguma qualidade.
No entanto, o motivo deste post é especialmente a senhora que aparece na imagem acima, Roberta Medina. Eu sinto a vergonha alheia cada vez que ouço essa senhora a ter uma diarreia mental, enquanto "ajuíza" os concorrentes do programa. Eu sinto vergonha por ela, pelos restantes elementos do júri, pela SIC e pelos portugueses que assistem ao programa. Como é possível alguém sem ideias ter tempo de antena e ser jurada num programa? Eu sei que é preciso ter uma "gaja boa" neste tipo de programas, mas não conseguiam arranjar ninguém do mundo da música que conseguisse expressar uma ideia como deve ser?

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2005
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub