Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Urso Tobias

Tobias, or not Tobias, that is the question. Divagações de um urso.

Urso Tobias

Tobias, or not Tobias, that is the question. Divagações de um urso.

Super Bock Super Rock - dia 26 de Maio

O dia de ontem (27 de Maio) serviu para a recuperação física, bem como para uma reflexão do que se passou no festival.
Chegada ao recinto por volta das 16.20h. Não sei se é por ter cara de pacifista, mas sendo eu o único que tinha mochila no grupo com quem ia, não fui revistado. Já dentro do recinto fomos atacados brutalmente e durante várias horas por... mosquitos. Até que chegaram as 18h, altura em que começaram os concertos.
Os primeiros a abrir hostilidades foram os Primitive Reason. Ponto alto do concerto: a pronúncia do vocalista nos 's' (xadowxx foi uma das mais emblemáticas) serviu para nos divertirmos. Fora 2 ou 3 músicas achei-os bastante cansativos, chegando a roçar o incómodo. Seguidamente tocaram os Dapunksportif e que apesar de não brilharem, também não comprometeram, um som agradável. Depois foi a vez dos veteranos Alice In Chains que com alguns problemas de som (que foi uma constante no início de quase todos os concertos) realizaram um bom concerto. O vocalista em determinados momentos fez lembrar o falecido Layne Staley. Também realizaram uma operação de charme dizendo algumas frases em português. Não ouvi o concerto todo, porque andámos a passear pelo recinto.
Haveria tanto para dizer sobre o concerto dos If Lucy Fell que nem sei por onde começar. Não sei por onde começar, porque pura e simplesmente não ouvi. Era a hora do "jantar". Hora esta que ainda se prolongou durante o início dos Deftones. Apesar disso, assisti a quase todo o concerto dos Deftones. Confesso que não sou grande admirador deles, mas estava com curiosidade em ouvir algumas músicas deles, em especial a Passenger (estava com esperança que o Maynard entrasse pelo palco adentro, mas isso infelizmente não aconteceu). O que até resulta razoavelmente em estúdio, desfaz-se em gritos na actuação ao vivo. Uma actuação pobre vocalmente, mas bastante boa instrumentalmente.
Depois chegou a vez dos X-Wife. Ainda não acredito que estive na 1ª fila (junto à grade), porque não era uma banda que me despertasse particular interesse. Isto porque só conhecia uma música (Rockin' Rio) e da qual não tinha gostado. Foram uma agradável surpresa. Puseram-me a cantar músicas que não conhecia e foi pena a organização impedi-los de tocarem mais uma música.
Finalizado a actuação dos X-Wife foi a altura de começar a penetrar na multidão para arranjar um bom lugar para Placebo e tendo em vista um excelente lugar para Tool.
Os Placebo começaram com as músicas do último álbum (Meds), mas foi com os grandes êxitos dos albuns anteriores que o êxtase foi conseguido. Deram um concerto muito bom, o melhor até então.
Chegou então a altura de chegar à frente para Tool e, incrivelmente, consegui ficar junto às grades. Entretanto começaram a tocar os The Vicious Five e conseguiram fazer-se notar tanto pela sua música (excelente concerto) como pelas magníficas frases do vocalista: "Estão cá putos? E meninas? Perceberam porque é que não disse o plural?", "Que música é que vocês querem ouvir agora? Vá uma qualquer! Bem... Como vocês não se decidem nós vamos tocar uma boa.", "O que é que vocês vão fazer das vossas vidas agora que a vossa vida mudou?", ...
O momento pelo qual tinha esperado o dia todo finalmente chegou. Os Tool começaram a tocar a Stinkfist e a partir daí foram alternando entre as músicas do último álbum (The Pot, Jambi, Vicarious, ...) e dos álbuns mais antigos (Schism, Ænima, ...). O baterista Danny Carey foi um espectáculo dentro do espectáculo. Gostei também do estilo do guitarrista. E depois o Maynard, excelente voz, excelente presença em palco. Talvez tenha faltado um pouco mais de entrega e interacção entre a banda (o Maynard especialmente) e o público. Para além disso o som estava demasiado alto, só hoje recuperei dos ouvidos. Aliado a isso, uns excelente efeitos visuais proporcionados pelos ecrãs (aquele problema técnico no início já estava a deixar o público ansioso). Sem dúvida a actuação do dia.
Acabado o dia, o maior ponto negativo, a ausência de comboios. Resultado, uma caminhada a pé desde Sacavém até ao Oriente, com paragem no estádio do Sacavanense para abastecimento de água, para apanhar um táxi.
Chegado a casa, a cama parecia mais bonita e fôfa do que nunca.


Queria só deixar um pequeno aparte. No festival haviam muitas raparigas incrivelmente bonitas, mas também incrivelmente "estragadas". Não consigo perceber o porquê de piercings a desfigurar (talvez seja uma palavra demasiado forte) o rosto, bem como maquilhagem (gothic style) que carrega demasiado a cara. Please, don't do that!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D