Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Urso Tobias

Tobias, or not Tobias, that is the question. Divagações de um urso.

Urso Tobias

Tobias, or not Tobias, that is the question. Divagações de um urso.

Riding On The Metro

Como tema para este texto decidi escolher esse transporte público tão conhecido por esse mundo fora que é o Metro, mais propriamente o Metropolitano de Lisboa.
A primeira coisa que salta logo à vista é a publicidade da Triumph. As estações aparecem recheadas de magníficos cartazes de lingerie dessa marca, um incentivo inequivoco ao uso do Metro.
Actualmente, qualquer estação está equipada com ecrãs em que é possível visualizar a "Metro TV". Consiste numa espécie de TVI em miniatura, onde os mesmos videoclips e anuncios são passados até à exaustão (nomalmente rápida devido à qualidade da maioria). Anastacia, Shakira, Il Divo, D'ZRT, Enya, Xutinhos (???) são alguns dos exemplos actuais dessa exaustiva publicidade. (Não confundir com a publicidade da Triumph, essa nada exaustiva)
Outro dos ícones da rede metroplitana são os vendedores da revista CAIS. Cada um com o seu modo particular de anunciar e fazer-se notar, mas com resultados semelhantes todos eles, poucas ou nenhumas vendas.
Continuando a viagem subterrânea a probabilidade de encontrar um cego a pedir no Metro é bastante elevada. Frases como "Tenha a bondade de me auxiliar!" ou "Deiam uma moedinha à ceguinha!", isto fora os tocadores de algum instrumento, normalmente acordeão, são bem conhecidas no meio underground lisboeta.
Como transportes públicos e horas de ponta costumam resultar numa mistura explosiva, somando a isto a falta de educação de algumas pessoas, aproveito para deixar aqui referido um dos meus ódios de estimação: esses seres atrasados mentais que ficam à frente das portas, dificultando a saída dos passageiros. Custa muito perceber que se eu sair, eles têm mais espaço ao entrar, enfim...
Ultimamente tenho pensado um dos factos do eléctrico do Porto aka Metro de superfície do Porto ser isso mesmo, de superfície. Provavelmente ao realizarem o estudo vieram a Lisboa analisar o comportamento das pessoas dentro do Metro e devem ter concluido que a maioria anda de cabeça baixa, com ar apático e tristonho. Ao verem isso devem ter preferido que fosse de superfície, mas ao mesmo tempo que se chamasse Metro. Enfim... modernices... um underground above the ground.

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

 

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2014
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2013
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2012
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2011
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2010
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2009
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2008
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2007
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2006
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D
  235. 2005
  236. J
  237. F
  238. M
  239. A
  240. M
  241. J
  242. J
  243. A
  244. S
  245. O
  246. N
  247. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub